Qual a importância de fazer exames ginecológicos?

Em média, exames ginecológicos devem ser realizados a cada seis meses. Saiba mais!

Os órgãos reprodutores femininos necessitam de cuidados especiais. Consultas recorrentes ajudam a manter a saúde da região pélvica e a prevenir problemas e pequeno ou grande porte.  Em média, exames ginecológicos devem ser realizados a cada seis meses. No entanto, cada caso é um caso. Mulheres devem saber de seu ginecologista a melhor frequência de consultas para sua saúde.

Exames médicos, não somente ginecológicos, podem parecer desnecessários, mas isso é uma cultura que deve ser modificada. Não é porque estamos aparentemente bem de saúde que não devemos ir ao médico. No caso da ginecologia, exames frequentes existem para prevenir possíveis problemas nos órgãos reprodutores. É o velho ditado posto em prática: melhor prevenir do que remediar.

Periodicidade

A rotina de visitar o consultório do ginecologista deve ser iniciada desde cedo na vida da mulher. Consultas podem ser realizadas, dependendo dos casos, desde a infância e, a partir dali, até a terceira idade. O costume de ir ao ginecologista pode começar na adolescência, momento da vida no qual o corpo feminino possui diferentes modificações. Além disso, há a possibilidade de obter informações sobre sexualidade, higiene e  outros temas importantes para a saúde da mulher.

Da primeira menstruação até depois da menopausa, os exames ginecológicos devem ser uma tradição. Afinal, com saúde não se brinca! Consulte-se com Dr. André Nóbrega. Ligue (85) 3031-0372 e marque sua visita. Teremos o maior prazer em recebê-la.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

div#stuning-header .dfd-stuning-header-bg-container {background-size: initial;background-position: top center;background-attachment: initial;background-repeat: initial;}#stuning-header div.page-title-inner {min-height: 200px;}