As doenças que causam dor na bexiga

Ninguém gosta de sentir dor, mas ela funciona como um mecanismo de alerta do nosso corpo para sinalizar que algo está errado. A dor na bexiga pode estar associada a diversas doenças e, geralmente, está acompanhada de outros problemas como, por exemplo, ardência ou sangramento ao urinar.

Esses sintomas ajudam a identificar a causa do incomodo para iniciar o tratamento indicado. Esse diagnóstico deve ser feito por um especialista que realizará os exames adequados como ecografia ou exame de urina. Se você está sofrendo com a dor na bexiga, confira algumas doenças que podem causar o problema.

Bexiga muito cheia

Se você sentir uma sensação de incomodo na bexiga, pode ser causada pelo acumulo excessivo de urina no órgão. Esse é o motivo menos grave de dor na região e pode vir a acontecer quando ficamos intervalos de tempo muito longos sem ir ao banheiro como, por exemplo, quando acordamos. Entretanto se sentir a dor não fique seguro de que a causa é apenas essa, pois a bexiga também pode ser proveniente de algumas doenças como inflamação na próstata.

Tratamento:

Se for apenas por excesso de liquido no órgão, vá ao banheiro e tente esvaziar a bexiga. Entretanto, se sentir dificuldade ao urinar procure um especialista para realizar o diagnóstico adequado.

Infecção urinária

Essa é a causa mais comum que provoca dor na bexiga. A doença vem acompanhada desse e de outros sintomas como ardência ao urinar e até febre. Pessoas de todas as idades podem sofrer com o problema, embora acometa mais mulheres.

Tratamento:

Mantenha uma boa higiene íntima, beba no mínimo dois litros de água por dia, e procure um especialista para realizar o tratamento com antibióticos como Amoxicilina. Lembre-se apenas profissionais especializados podem lhe prescrever os remédios adequados.

Infecção na bexiga

Embora algumas pessoas confundam a doença com a infecção urinária, elas são bem diferentes. A doença é mais rara e geralmente além de dor, o paciente sofre com sangramento na urina e vontade frequente de ir ao banheiro inclusive durante a noite.

Tratamento:

Assim como na infecção urinária, você deve beber pelo menos dois litros de água por dia e consultar um especialista que irá lhe indicar o tratamento com os antibióticos adequados.

Câncer

A dor na bexiga também pode ser causada por doenças mais graves como o câncer nos ovários, na próstata, ou no útero. Quando o câncer atinge órgãos da região pélvica, é comum que o paciente sinta dor e sensação de bexiga cheia. Outros sintomas frequentes são cansaço excessivo e perda de peso. Embora esses casos sejam mais raros, é preciso ficar alerta aos sintomas e sinais que o seu corpo emite.

Tratamento:

Em caso de suspeita de câncer procure imediatamente um especialista. Só ele poderá fazer os exames e o diagnóstico correto, como tomográfica computadorizada, para então iniciar o tratamento adequado.

O que a dor na bexiga pode indicar?

Como vimos, a dor na bexiga pode indicar várias doenças. De acordo com os sintomas se torna mais fácil identificar cada problema. Confira alguns sintomas e as doenças mais comuns que estão associadas a eles:

– Vontade frequente de urinar e dor na bexiga: bexiga muito cheia, infeção urinária, cistite.
– Ardência ao urinar e dor na bexiga: cistite, candidíase, pielonefrite e câncer.
– Corrimento e dor na bexiga: candidíase, tricomoníase, infecção urinária, endometriose.
– Sangramento e dor na bexiga: pedras nos rins, infecção do trato urinário, pancada na bexiga.
– Febre e dor na bexiga: cistite, infecção urinária.
– Dor nos testículos e na bexiga: cistite, infecção dos testículos, câncer de próstata.

Procure com urgência um médico especialista para realizar o diagnóstico, caso você sinta dor na bexiga acompanhada de febre acima dos 38ºC e dificuldade ou falta de urina. Esses são os sintomas que indicam doenças mais graves e requerem atenção e tratamento imediato.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

div#stuning-header .dfd-stuning-header-bg-container {background-size: initial;background-position: top center;background-attachment: initial;background-repeat: initial;}#stuning-header div.page-title-inner {min-height: 200px;}