Aprenda a gerenciar a incontinência urinária no ambiente de trabalho

Aprenda a gerenciar a incontinência urinária no ambiente de trabalho

 

Prazos apertados, longas reuniões e jornadas de trabalho estendidas: esta é a realidade de muitos brasileiros, incluindo os que possuem incontinência urinária. A grande questão para quem sofre deste distúrbio realmente é como administrar as frequentes idas ao banheiro, além de evitar perda indesejáveis de urina, evitando assim que acidentes ocorram.

 

Primeiramente: evite preocupações!

A jornada de trabalho por si só já é muitas vezes estressante. Não a torne mais ainda com preocupações sobre sua condição clínica. Se você faz os tratamentos recomendados pelo seu médico e toma os cuidados necessários, o primeiro passo é evitar este tipo de estresse. Mas, alguns ajustes na sua rotina podem auxiliar a reduzir ainda mais as chances de evitar que a perda de urina ocorra.

 

Evite cafeína e água em excesso

Beber café durante longas reuniões ou no decorrer do dia é um hábito para muita gente. Mas se você tem incontinência, uma boa atitude é evitar toma-lo, uma vez que a cafeína age como diurético em nosso organismo, aumentando assim a vontade de ir ao banheiro. A mesma coisa deve acontecer com a água: não beba demais e procure ao menor ingerir a quantidade diária mínima que é recomendada (até 2 litros).

 

Converse com alguém de sua confiança sobre o assunto

Claro que você não precisa entrar em muitos detalhes, mas revelar para alguém que você confia ou um integrante da equipe de RH de onde trabalha, que possui uma condição clínica em que precisa sentar-se próximo ou ir com frequência ao banheiro é uma alternativa para evitar que as urgências miccionais se tornem um transtorno.

 

Pratique alguns exercícios de Kegel durante a sua jornada diária

Eles são uma ótima alternativa para controlar os músculos pélvicos e, consequentemente, reduzir os riscos de perder urina. A maioria deles, você pode praticar em qualquer lugar, podendo contrair e relaxá-los, aumentando assim a sua capacidade de segurar o xixi ao menos até conseguir usar o banheiro. Converse com seu médico sobre o assunto e veja quais são os mais indicados para você.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

div#stuning-header .dfd-stuning-header-bg-container {background-size: initial;background-position: top center;background-attachment: initial;background-repeat: initial;}#stuning-header div.page-title-inner {min-height: 200px;}