Terça, 15 Novembro 2016 08:00

Infecção urinária – causas e tratamentos

Escrito por 
Avalie este item
(0 votos)
 Infecções da região urinária são infecções bacterianas que afetam as regiões intimas do nosso corpo. Diferente dos homens, as mulheres possuem uma uretra mais curta e isso dá um acesso fácil para as bactérias entrarem em suas bexigas. Sendo assim, as mulheres tem mais facilidade de contrair infecções urinárias. 

 

Agentes causadores

As infecções mais comuns são causadas pela bactéria Escherichia coli (E. coli). Essas bactérias fazem bem ao nosso trato intestinal, entretanto quando entram em contato com o sistema urinário elas tornam-se bastante nocivas e fazem os pacientes sofrerem.

Tipos da infecção urinária

Existem dois tipos de infecções na região íntima. A mais comum é conhecida como cistite urinária, já o outro tipo de infecção, que é mais grave, é a pielonefrite (infecção renal).

Sintomas

Dor na uretra, ardor ou dor ao urinar, dor na pélvis, necessidade frequente de urinar, presença de sangue na urina e febre baixa são alguns dos sintomas da doença. Já na pielonefrite os sintomas mais comuns são: febre alta, náuseas, calafrios e dores nas costas na altura dos rins.

Tratamento

A terapia adequada é indicada após a confirmação do seu diagnóstico. Só o médico pode indicar a medicação correta e a duração adequada. Mesmo que os sintomas estejam diminuindo ou desaparecendo é importante consultar um especialista e respeitar o tratamento prescrito.

Medidas para prevenir infecções urinárias:

- Cuide de sua higiene íntima;

- Para as meninas: é bom que sejam orientadas desde cedo a fazer a higiene íntima de frente para trás, na hora de se lavaram também. Assim, elas evitam transportarem bactérias da região anal para a uretra;

- Lavar as mãos antes e depois de usar o banheiro;

- Absorventes devem ser trocados com frequência, pois o sangue menstrual é um agente proliferador de bactérias;

- Não prender a urina por muito tempo. Urinar a cada duas ou três horas é o ideal;

- Para mulheres: após a relação sexual bebam água para esvaziarem a bexiga o quanto antes. Assim, as bactérias que poderiam entrar na uretra feminina após o ato serão expelidas.

Acessado 201 vezes

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

Avenida Santos Dumont, 5753
Torre Saúde Sala 1306
Complexo São Mateus
CEP: 6019-2018
Fortaleza Ceará
Telefones / Whatsapp:
(85) 9 9922.3133 / 9 8885.0372
Email: drandrenobrega@gmail.com