Segunda, 31 Outubro 2016 08:00

Gravidez – Problemas na bexiga

Escrito por 
Avalie este item
(1 Votar)
Alguns desconfortos e mudanças surgem no corpo da mulher durante a gravidez, e alguns destes fatores que podem incomodar a bexiga da mulher estão relacionados à frequência urinária. Você que vai ser mamãe de primeira viagem deve ficar atenta a sangramentos na urina, ardência e dores. Nesta publicação você verá os problemas mais comuns associados à bexiga feminina na gravidez. 

 

Pressão na bexiga

Quando o útero cresce na gravidez, para dar espaço ao bebê que está chegando, a bexiga passa a ser um dos órgãos mais pressionados do corpo. Isto não significa que você estará com algum problema na bexiga, pelo contrário isso só irá causar um aumento na frequência com que você urina. O peso do bebê que as mães esperam pressiona os órgãos internos, causando dores e certos desconfortos. O corpo feminino durante a gravides produz uma maior quantidade do hormônio progesterona, o que faz com que a musculatura da bexiga esteja mais relaxada, permitindo algumas vezes a eliminação da urina de forma involuntária durante o riso, a tosse e a caminhada. Não se preocupe, apesar do desconforto, esta é um aspecto do período da gestação da mulher que o corpo passa a se adaptar com o tempo.

Você precisará tomar alguns cuidados e até mesmo saber identificar alguns sintomas de uma possível infecção urinária, visando encontrar o tratamento adequado o mais rápido possível.

Cautela constante

O recomendado é que toda vez que você estiver com vontade de fazer xixi, faça. Não segure, pois isto pode acarretar uma posterior infecção urinária. Mesmo você indo com frequência ao banheiro não quer dizer que o seu volume de urina aumentou, apenas que a pressão exercida na sua bexiga dificulta o esvaziamento completo da urina. Portanto, na hora de fazer xixi não faça força, pois isto pode causar dores em sua musculatura local. Não deixe de beber água com frequência mesmo achando que já ingeriu o suficiente, pois é imprescindível para a limpeza do seu organismo e assim evita uma posterior contaminação por bactérias.

Atenção

Como os dutos que coletam urina ficam mais relaxados, fica também mais fácil de bactérias penetrarem em sua bexiga. Por isso fiquem atentas as possíveis suspeitas ou até mesmo sintomas de uma infecção renal como dores de barriga frequentes, sangue na urina, dores e ardência ao urinar, dores lombares e febre.

Complicações na bexiga que podem parecer comuns durante a gestação podem acarretar em uma infecção na bexiga, que pode piorar e se tornando uma infecção renal. Tenham cuidado, infecção nos rins possuem sintomas bastante parecidos com a infecção urinária como: dores lombares, náuseas e vômito. Por isso, mantenham seu médico a par de qualquer dor ou incômodo seu para que exames clínicos sejam feitos preventivamente a fim de evitar um parto prematuro. Fale com seu médico se você estiver suspeitando que está com infecção urinária, que é conhecida também como ITU (Infecção de Trato urinário). Coletarão sua urina e farão um exame específico para detectarem a presença de bactérias. Caso diagnostiquem algo de errado em sua bexiga, os médicos indicarão o tratamento correto para o seu problema. Não se preocupe o tratamento para a ITU não prejudica a saúde do bebê, sua gestação e é feita com antibióticos.

Acessado 959 vezes

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

Avenida Santos Dumont, 5753
Torre Saúde Sala 1306
Complexo São Mateus
CEP: 6019-2018
Fortaleza Ceará
Telefones / Whatsapp:
(85) 9 9922.3133 / 9 8885.0372
Email: drandrenobrega@gmail.com