Obesidade pode levar à incontinência urinária?

Obesidade pode levar à incontinência urinária?

Sabemos que o surgimento da incontinência urinária ocasiona no comprometimento na qualidade de vida do indivíduo e um dos perfis que mais são afetadas por esta condição são pacientes que comportam obesidade mórbida, no caso das mulheres a frequência perda de urina abrange principalmente durante a juventude e a meia-idade.

Isto acontece por conta do elevado índice de massa corporal resultar na pressão de peso na região abdominal, que eleva a mesma pressão para a musculatura do assoalho pélvico. Portanto no momento em que o indivíduo realiza movimentos musculares habituais como, caminhar, correr, se agachar e até mesmo respirar ou tossir, as chances de apresentar complicações em relação a incontinência urinária pode agravar.

Além dos tratamentos e cirurgias que são indicados para quem convive com a obesidade e a incontinência urinária sob orientação de um especialista em uroginecologia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

div#stuning-header .dfd-stuning-header-bg-container {background-size: initial;background-position: top center;background-attachment: initial;background-repeat: initial;}#stuning-header div.page-title-inner {min-height: 200px;}