O significado da incontinência urinária na visão de mulheres incontinentes.

O significado da incontinência urinária na visão de mulheres incontinentes.

Sabemos que a incontinência urinária (IU) é uma complicação que afeta a rotina de milhares de pacientes mulheres, porém é necessário também compreender as repercussões deste distúrbio. Segundo uma pesquisa realizada por profissionais do Ambulatório de Disfunção Miccional do Hospital de São Paulo, revelou que mulheres que foram diagnosticadas tem a sua vida sexual e qualidade de vida mais afetada que as que não possuem a IU.

Apesar de buscar o equilíbrio para resolução dos desconfortos provocados pela perda urinária, o coordenador do ambulatório e orientador da mesma pesquisa, Fernando Almeida, nos informa que “(…) A maioria não perde urina na relação, mas o simples fato da incontinência existir faz com que ela prefira evitar contato com o parceiro”

Com base nisso, é comum que a partir do momento que é diagnosticado ou percebido a perda involuntária da urina, a mulher tenta manter a sua rotina com o mínimo de alteração, tentando se controlar para não perder e/ou cheirar urina. No entanto, como se trata de uma doença que pode causar constrangimentos e, caso não haja um acompanhamento médico efetivo, também pode ocasionar a distúrbios psíquicos, como depressão, cabe aos profissionais da área da saúde a observar as experiências de conviver com IU.
Vale salientar que cada caso da doença se tratam de condições heterogênea para cada paciente. A compreensão das suas narrativas é fundamental para entender a experiência de viver e manejar a incontinência urinária, possibilitando a prestação de um tratamento mais efetivo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

div#stuning-header .dfd-stuning-header-bg-container {background-size: initial;background-position: top center;background-attachment: initial;background-repeat: initial;}#stuning-header div.page-title-inner {min-height: 200px;}